oi, de novo…

Sabe já vi que aqui é o lugar que só falo de você então hoje falarei coisas boas, tudo bem?

Em 2010 eu tava dando trabalho né velhote? Lembro quando sumi e você ficou desesperado rodando Itaquera inteira atrás de mim… Bom, eu não tava fazendo nada de errado mas eu sempre gostei de ter a liberdade de sair de casa e não me importar com a hora de voltar. Você era o unico que mandava eu voltar em um determinado horario, mas aquele dia eu apenas sai voando sabe pai? Eu queria ver de verdade como era lá fora já que nunca fui garotinho de ficar na rua, jogando bola, empinando pipa essas coisas que hoje acho uma puta babaquice mas ok. Lembro que nesse dia estava com meus melhores amigos Bruno, Kaique, Tom, Lucas, Matheus, Tatinho, Jean e depois visitei o João… Eu fui na casa do bruno buscar ele pra jogar futebol na quadra dos bombeiros e nisso fui passando em casa em casa pra reunir meu time… O João nunca gostou de futebol mas ele era um grande amigo então eu chamava ele sempre pra ir no habibs com a gente depois. Acho que quando estava quase acabando o futebol, teve um lance que eu pulei de mal jeito e quebrei meu dedo e ficou parecendo um “S” sem brincadeira haha’

Não doeu mas me assustou ver meu dedo daquela forma, como não doia eu fui sair ainda com meus amigos depois… Só depois de umas 3 horas com eles notei que não estava com meu celular e meu dedo estava terrivelmente roxo e inchado. Fiquei com tanto medo de voltar pra casa e fui para os meus tios irmãos do Senhor… Minha sorte que a tia edilene é enfermeira e logo colocou uma tala no meu dedo e me obrigou a ligar para você… Mas foi a mamãe que atendeu e ela foi extremamente fria dizendo que você estava passando mal por mim. Dentro de 30 minutos você parou o carro e pediu para que eu entrasse.. Seu olhar aquele dia estava sem brincadeira alguma estava um olhar de “ainda bem que está tudo ok” mas ao mesmo tempo de ” Que merda tens na cabeça?”

Tu não disse uma palavra o caminho inteiro e disse que me levaria para o hospital para tratar isso de verdade. Mas chegando em casa eu nunca ouvi tanto da minha mãe, ela disse milhões de vezes que sou um acomodado que não me importava com quem me amava de verdade e disse que eu só aprenderia quando perdesse esse amor todo..

Caralho pai não é que ela teve razão… Pessoas que me veem falando de ti pensam que eu e você eramos muito unidos que é totalmente o contrario da historia, eu e minha vontade de ser independente… e você… bem você querendo ser um pai de verdade.

Nossa relação só foi melhorar meses antes da sua partida… Lembro que me dizia coisas que não faziam sentido algum e hoje eu caio em meio a escuridão só de refletir elas, parece que você me deu um periodo de experiencia pra enxergar tudo antes que você se fosse… Muita gente que me ouve me pergunta pq ainda não superei isso… Eu digo que é uma ferida um arrependimento que nunca se cicatriza e sempre do nada, DO NADA MESMO eu choro por ti, ainda choro as mesmas lagrimas que foram deixadas proximo ao seu caixão, as mesmas lagrimas que tinham um peso de um mundo inteiro, de todo aquele silencio que ficou quando eu estava ao seu lado naquela noite, as lagrimas de quando você disse pra eu rezar e eu não rezei, as lagrimas que você disse pra eu cuidar de todo mundo e ser forte, as lagrimas de um menino que ainda não se conforma com tudo isso, as lagrimas… as lagrimas que descem no meu rosto enquanto estou escrevendo tudo isso … ao inves de ter falado tudo antes da sua partida… As lagrimas… essas meras lagrimas com um sentimento puro de qualquer criança… Estou dizendo tudo isso porque é tão estranho ter quase 19 anos e me sentir um menino ainda nessa situação.

Eu sei que estou pronto para qualquer coisa nessa vida pai, juro. Mas não me conformo em perder pessoas para a morte, é triste, solitário, vazio, frio… É incrivel como eu tenho medo da morte de pessoas queridas então qualquer enfermidade que se aproxima de alguém que amo já me assusta, não sei se o senhor lembra mas só nos mes da sua partida perdemos 3 pessoas da familia… Isso me traumatizou, tudo bem que eram distantes mas… me assusta sabe velhote?… Não sei o que seria de mim perdendo a mamae, o No, o Lê, a Cris e uma outra pessoa que o senhor não conheceu mas que me ajuda muito e só com ela sei me expressar de vdd, já falamos sobre ela uma vez né cara tu deve lembrar.

Enfm, entende? Prefiro mil vezes ir no lugar deles sem restrição. Porque indo no lugar de um deles eu me juntaria a você cara… e falaria todos esses textos gigantes que faço aqui pessoalmente.. Porque como eu disse quando estava ao seu lado.. Você é o melhor homem do mundo…

Sinto sua falta e isso não é novidade pra ninguém







Do que eu tenho medo? Deixa eu ver. Sei lá, de repente de chegar um dia e ver que foi tudo em vão, que não valeu a pena, cada gesto ou cada ação, cada investimento e concessão. Sabe aquela cena clássica no restaurante? Os dois jantando em silêncio, a mulher olhando para os lados atrás de casais iniciantes, mais felizes e vivazes que o relacionamento dela, o homem com o olhar atrás de um traseiro mais durinho. Eu tenho medo de um dia acordar e sentir que acabou.

Gabito Nunes. (via alentador)


Please if you really want to stay this time, show me the way.. that I can walk to you again, For everything to be okay again, time never repeats itself and unfortunately you forget that one day we had something in common …. If the day was really the way we wanted to remind you that mistakes had in common? and forget all that separated us forever be one in this story?
I would say this is all if you give me a chance, a chance to talk about this whole thing. Breaking up the silence truths you never heard of me and I kept on my chest … That I feel is all you want, open your eyes! why do you look for in someone else?
As long as you stay with me I know that everything will be okay…


oi

Tudo bem? Espero que sim, faz tempo que escrevi sobre você e mais uma vez estou fazendo o que disse que nunca mais ia fazer, escrever sobre você.

Só queria deixa que você soubesse que ainda me importo, nunca mais te visitei porque estou trabalhando e minhas visitas agora serão raras… Mas saiba que voltarei sempre que der, pois é eu consegui um emprego e logo de cara tava dando tudo errado. Incrivel como eu sou tão parecido com você até quando o assunto é conseguir algo, eu sempre me ferro de primeira depois tudo se ajeita pra dar errado de novo. Hoje me perguntaram de você, não sei porque mas sempre respondi com tanta naturalidade quando perguntam de você mas hoje foi diferente eu me enrolei nas palavras e cai… Poxa cara, tu faz falta ainda mais agora.. Sei que não estava presente quando me formei, sei que não ando agindo do jeito que gostaria com a mãe, sei que me tornei apenas algo vazio. Mas o que me mantem de pé é a promessa que fiz, estou rezando para que dê tudo certo e que eu consiga de verdade isso. Eu parei de me abalar, parei de chorar, parei de fugir, parei de ser fraco. Agora em diante sou assim como o Senhor e fique tranquilo não desistirei assim como fiz em tudo só são tempos confusos no qual to tentando buscar uma nova vida sem perder a pessoa que sou. Fique tranquilo pai eu não te esqueci, mas tenho medo de perder a memoria do teu rosto… ou daquele abraço que rara as vezes me dava. Sei lá hein, sinto sua falta… Enquanto não puder te visitar meus versos são apenas pra ti.


Eu estou apaixonado por você, e sei que o amor é apenas um grito no vácuo, e que o esquecimento é inevitável, e que estamos todos condenados ao fim, e que haverá um dia em que tudo o que fizemos voltará ao pó, e sei que o sol vai engolir a única terra que podemos chamar de nossa, e eu estou apaixonado por você.

A culpa é das Estrelas.  (via nobroke)

ev